Projeto Cardume, feijoada beneficente

E aí, vamos a este evento do Cardume? A equipe Ori vai comparecer. Nos vemos lá. Axé, Tomeje.

3 comentários

    • Taíka em 27 de julho de 2013 às 13:40
    • Responder

    Mojubá!
    Caro Tomeje, esta é o segundo e-mail, que lhe envio. O primeiro em agradecimento à sua pronta resposta a um pedido meu, feito no site Candomblé | O Mundo dos Orixás. Esse pedido, que você achou melhor responder em privado, dizia respeito à necessidade de uma indicação de Terreiro de confiança.
    Explico: Fiz obrigação (bori, onde fiquei 3 dias recolhida) e as quartinhas permaneceram em um centro. Soube, posterirmente, que o mesmo havia sido fechado e todos os assentamentos dos filhos que não foram avisados, ou não puderam ser encontrados, haviam sido despachados. Acredito que nesse caso, a responsabilidade seja, em grande parte, minha, já que deixei de frequentar o terreiro, por sentir-me afastada da fé, logo apos o Bori. Na verdade, eu não me senti nada bem, voltei a comunicar-me com o pai de santo (no mesmo dia da minha saída) que jogou e disse que tudo estava como devia estar.
    Muitos anos se passaram e eu senti novamente o chamado. Agora, uma decisão adulta. Mas como tive más experiências, pedi-lhe que me orientasse.
    Você prontamente atendeu via email, o que é compreensível.
    Mas… as coisas nem sempre saem como o planejado.
    Voltei ao site O Candomblé e de repente não o encontrei mais. (continuei estudando as matérias e artigos sobre a nossa religião (ou como queira chamar).
    Passei dias procurando na minha conta de email seu contato e não achei.
    Claro! O Google tinha a resposta e aqui estou eu, novamente, batendo à sua porta.
    Foram tantos os caminhos e disparates, que no momento preciso de uma casa séria onde o jogo de búzios seja confiável, e que siga as tradiçoes.
    Na época era impossível, deslocar-me para o Terreiro de sua indicação.

    Moro no Rio de Janeiro próximo ao Recreio dos Bandeirantes (Vargem Grande).

    Se você puder ajudar-me uma vez mais, nem terei como agradecer-lhe.

    Axé!

    Taíka

    1. Taíka, que bom que vc está retomando sua fé e seu caminho espiritual. Seja bem vinda. Agora temos duas opções, vc pode jogar com meu Pai, em Guaratiba ou comigo. Este email é válido? Axé. Tmeje.

    • Taika em 27 de julho de 2013 às 13:45
    • Responder

    Ago!

    Esqueci-me do principal: Que bom tê-lo reencontrado!
    Parabéns pelo site!
    Axé!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error

Enjoy this blog? Please spread the word :)