Arquivo por mês: outubro 2011

out 31 2011

A benção meu mais velho.

   A benção meu egbomi..   Foi durante uma conversa com um Yaô que eu percebi o quanto nossa gente está desamparada e o quanto alguns zeladores se omitem diante de questões do cotidiano religioso de suas casas e dos seus filhos de axé. Por isso decido escrever.  Mas se tem coisa que gosto de fazer …

Continue lendo »

out 31 2011

Chega de Intolerância

out 28 2011

Cosmogonia Yorubá

COSMOGONIA YORUBÁ: A CRIAÇÃO E A SEPARAÇÃO DO MUNDO  Como em toda cultura, os yorubás também têm sua teoria sobre a criação do mundo, dos seres e da atuação das divindades neste episódio. O grande Deus da criação é Olodumare (Olódùnmarè), ou Olorun (Olóòrun – Senhor do Céu). Olorun é o Deus supremo, que age …

Continue lendo »

out 26 2011

ODÍDE: O papagaio cinza africano de cauda vermelha

  ODÍDE: O papagaio cinza africano de cauda vermelha  Por Bàbá Olúmolà (Ulisses Manaia da Silva) (Texto registrado no EDA/FBN: nº 450.599 – Livro 846 – Folha 259)               Quem de nós, adeptos do culto de Òrìsà, não conhece a pena de cor vermelha denominada ìkóòdíde? Amplamente utilizada em nossos rituais? O que muitos …

Continue lendo »

out 25 2011

Acarajé

História Manuel Querino em A arte culinária na Bahia, de 1964 conta, na primeira descrição etnográfica do acarajé, que “no início, o feijão fradinho era ralado na pedra, de 50 cm de comprimento por 23 de largura, tendo cerca de 10 cm de altura. A face plana, em vez de lisa, era ligeiramente picada por …

Continue lendo »

out 24 2011

COMIDA DE SANTO: RAZÃO, TRADIÇÃO E FUNDAMENTOS:

  COMIDA DE SANTO: RAZÃO, TRADIÇÃO E FUNDAMENTOS:  As comidas litúrgicas no candomblé têm fundamental importância na tradição e na manutenção dos costumes religiosos. As comidas também funcionam como formas de integração entre homens e deuses, e entre os homens e seus iguais, servindo para o agrupamento das comunidades.  O ato de “repartir o pão” …

Continue lendo »

out 22 2011

Jurema: Representações urbanas e drama social afro-indígena

  Jurema: Representações urbanas e drama social afro-indígena  parte III (final) José Flávio Pessoa de Barros[1]   Analise contextual: a Jurema decantada   A Cabocla Jurema é classificada na Umbanda sob as seguintes denominações: a Jurema da Mata, a Jurema Caçadora, a Jurema da Praia, a Jurema da Cachoeira e a Jureminha. Os nomes Jurema …

Continue lendo »

out 21 2011

Jurema: Representações urbanas e drama social afro-indígena. parte II

Jurema: Representações urbanas e drama social afro-indígena. parte II José Flávio Pessoa de Barros.  História. Já em 1782, existe a menção à utilização de uma planta chamada de Jurema, que é descrita minuciosamente, embora o texto não apresente a classificação científica. Presume-se, no entanto, que se trata da Jurema-de-espinho. O autor, Francisco Antônio de Sampaio …

Continue lendo »

out 20 2011

Jurema: Representações urbanas e drama social afro-indígena

    Jurema: Representações urbanas e drama social afro-indígena Parte 1 José Flávio Pessoa de Barros[1] O presente trabalho é uma reflexão sobre a Jurema e suas múltiplas acepções, e de como elas se inserem nas diferentes representações contidas no sistema de crenças, onde negros, índios e colonizadores europeus se mesclaram e foram partícipes desse …

Continue lendo »

out 17 2011

Cargos de Santo (“OYÈ”)

  CARGOS DE SANTO (“OYÈ”)  São inúmeros os cargos exercidos nos Candomblés. Cada Nação tem seus correspondentes cargos, sendo certo que, embora variem as denominações, na maioria das vezes correspondem ao desempenho das mesmas funções.  Muitas vezes, em Casas da mesma Nação, há cargos que não se usam, por razões de tradição própria, ou mesmo …

Continue lendo »

Posts mais antigos «