A FRATERNIDADE: Texto de Pai Marcio de Jagum

A FRATERNIDADE:

 

Ser fraterno (irmão), é desejar aos outros o que gostaria para si próprio. É agir com os outros, como gostaria que te tratassem.

Ser fraterno é superar as vaidades pessoais, é pensar no bem do coletivo e não em seus projetos pessoais de promoção e em benefício próprio.

Ser irmão é mais do que ser amigo. A fraternidade, o laço que torna duas pessoas irmãs, é uma amizade indissolúvel. A fraternidade entre irmãos de Santo, é um laço eterno que se consagra a partir do rito sagrado, sobretudo quando o rito é compartilhado em um mesmo barco.

Irmão é aquele amigo verdadeiro que discorda de você, que repreende você, que até briga com você. Mas que está sempre ao seu lado, se preocupando, te amparando e te apoiando nos momentos difícieis.

Para ser um bom irmão, deve-se pensar no outro; e pensar no outro, enquanto parte de uma comunidade, é fazer o melhor para ela.

Ser irmão dentro de uma comunidade religiosa altamente hierarquizada como o Candomblé, é exercitar a humildade, a paciência, a bondade, a responsabilidade, o perdão. Irmãos têm que se enxergar, antes de mais nada, como irmãos, como iguais, mas às vezes com tarefas e funções diferentes.

Ser irmão não é acobertar, para mostrar união. É corrigir, porque se quer o melhor.

***********

Márcio de Jagun

06/12/13

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error

Enjoy this blog? Please spread the word :)